O segundo filho vem mais fácil. Será?



  Sempre que uma mulher engravida do segunda filho escuta o mesmo comentário: “Ah, o segundo é bem mais fácil…. Você já tem experiência, tira de letra…” 

  Mas será que é isso mesmo???

  Não, pelo menos pra mim não foi mais tranqüilo ter Rafaela, por sinal foi bem mais cansativo (fisicamente e psicologicamente) e trabalhoso do que quando tive a Maria Clara.


Maria Clara com 3 anos e Rafaela com 1 ano

  Vou explicar o porquê…

  Quando a Maria Clara nasceu era só ela e eu (e o pai lógico). Toda minha atenção era voltada a ela. Eu podia demorar duas horas dando banho nela que ninguém estava me esperando. Podia trocar a fralda com toda calma e errar milhões de vezes que não tinha problema. Amamentava do jeito que achava melhor naquele momento: no escuro ou vendo TV ou em silêncio absoluto….

  Claro, tinham as inseguranças do primeiro filho, a dúvida se estava fazendo certo, a inexperiência, a insegurança.

  Dois anos depois, quando a Rafaela chegou a insegurança era outra, como dar atenção para as duas???

  A Maria Clara ainda era muito pequena, tinha dois anos e dois meses, ainda estava descobrindo o mundo, aprendendo muita coisa. 

  Eu me preparei muito para o ciúmes que ela poderia ter, acabou que nem teve muito. Fiquei bem contente.

  Mas quem sofreu muito fui eu…

  Achava o tempo todo que não estava dando atenção para Maria Clara, que estava em dívida com ela… Quando trocava a Rafaela ou amamentava me questionava se tinha sido tão carinhosa com a Maria Clara quando bebê…

  Um fato que me marcou muito foi um sábado, a Rafaela devia ter 10 dias no máximo. O Beto tinha descido para brincar com a Maria Clara enquanto eu ficava na função com a Rafaela. Eles subiram rindo e felizes e o Beto veio todo orgulhoso me mostrar que a Maria tinha andado de bicicleta, pela primeira vez!!! Por um segundo sorri, depois me desabei em lágrimas… Tinha perdido a primeira vez que minha pequena andou de bicicleta…

  Realmente em relação aos cuidados com o bebê, o segundo é bem mais tranquilo… Já temos uma certa prática. Ainda mais quando tem pouco diferença de idade como as minhas.

  Mas o desgaste psicologico para mim foi bem maior! Me desdobrar para conseguir dar atenção para as duas… E sempre achava que não era suficiente para a mais velha.

  Só fui relaxar quando a Rafaela fez uns 5/6 meses… 

  Hoje acho a diferença delas ótimas e não me arrependo, mesmo com o começo louco. Elas são amigas, brincam muito juntas, brigam também lógico. São super parceiras!!!

  Mas pq escrever isso agora, grávida do terceiro???

 Tenho pensado muito nisso desde que engravidei do Caio Henrique, lembrando como foi e tal e me perguntando como será quando ele chegar.

  Agora, eu acho, que será diferente, realmente mais fácil… Elas já tem uma a outra. São mais velhas (Maria Clara terá 6 anos e 9 meses e Rafaela 4 anos e 6 meses quando ele nascer), já tem diversas atividades: natação, ballet, música, teatro, escola… 

  Se vai ser cansativo? Com certeza!!! Muito cansativo, mas (acho e espero) psicologicamente mais tranquilo.

  


1 comentários:

  1. Meu segundo filho foi bem mais fácil que a primeira. A diferença deles foi grande e isso me ajudou muito.

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...