CREN - você tem que conhecer




  Olá pessoal,

  Hoje vou falar de um lugar que tive o privilégio de conhecer e sei que muitos não tem nem idéia que existe: o CREN - Centro de Recuperação e Educação Nutricional.



  O CREN é uma organização sem fins lucrativos que atua no combate e prevenção à má nutrição infanto-juvenil. Ele é o centro de referência para desnutrição da Prefeitura de São Paulo e em 22 anos de existência já beneficiou mais de 3,5 milhões de pessoas, atendendo e tratando crianças e adolescente mal nutridos.

  Nesse dia tivemos um bate papo super informativo com a Gerente-geral do CREN, Gisela Solynos sobre desnutrição. No Brasil, 20 milhões de crianças e adolescente estão desnutridos. A desnutrição na infância acomete principalmente famílias de baixa renda e crianças desnutridas tendem a se tornar adultos obesos. As conseqüências da desnutrição são irreparáveis: expectativa de vida oito anos menor e 19 anos vivendo com doenças crônicas como diabetes e hipertensão.


  Outro dado que me espantou muito: 47,8% das crianças entre 5 e 9 anos estão obesas ou com sobrepeso!!! Gente, é quase metade das crianças dessa faixa etária, como pode??? E 25,4% entre 10 e 19 anos também estão.

  Também conversamos com a Pediatra nutróloga Prof. Dr. Maria Paula de Albuquerque sobre vício alimentares, uma ótima conversa por sinal, mas assunto para um próximo post


  O CREN se baseia em três pilares para alcanças a boa nutrição dos beneficiados: a assistencia (atendimento ambulatorial, na comunidade e hospital-dia), a pesquisa e formação (pesquesa, desenvolvimento de metodologia, formação de profissionais e agentes multiplicadores) e a multiplicação (assessoria e implantação de serviços, publicações e participações em redes e fóruns de discussão).

 Cerca de dois anos de tratamento da subnutrição ou obesidade pela metodologia do CREN evitam quase 20 anos de visitas constantes a hospitais. Isso é muito importante pois a má-nutrição consome trilhões por ano segundo a FAO.

  A porta de entrada para CREN é a unidade básica de saúde. Os pacientes com distúrbios nutricionais moderados e graves são encaminhados pelo pediatra. Por ano, 200 crianças até seis anos são tratadas pelo regime de semi-internato. Elas ficam 10h por dia na instituição e são cuidadas por médicos, nutricionistas, enfermeiros e psicólogos; recebem 5 refeições balanceadas e tem uma programação pedagógica.

   A família do paciente também é envolvida em todo o tratamento.

  Eu fiquei realmente encantada com o trabalho deles. Vale a pena se informar mais: www.cren.org.br

  E como toda organização sem fins lucrativos, toda ajuda é bem vinda para eles (e para nossas crianças também!) - http://www.cren.org.br/doecren/

  Foi uma manhã maravilhosa com muita informação de qualidade!

  Espero que tenham gostado de conhecer um pouquinho mais sobre o CREN.
  



  




7 comentários:

  1. Realmente foi otimo conhecer, compartilhar essas informações. E o mais importante: torna_las acessíveis á população. Parabéns pelo post. Beijos

    ResponderExcluir
  2. Muito legal, nunca tinha ouvido falar. É um problema de saúde pública mesmo, a obesidade infantil. bom saber!

    Clau
    @AsPasseadeiras

    ResponderExcluir
  3. Que bacana realmente não conhecia, muito bom

    Bjs Mi Gobbato @espacodasmamaes

    ResponderExcluir
  4. A base do CREN é bem consistente. Eu não conhecias mas o fato é que é bem interessante. E ajuda muito né?

    www.arianebaldassin.com

    ResponderExcluir
  5. Eu não conhecia, infelizmente no dia eu não consegui ir ao evento! Adorei o post e conhecer mais sobre o lugar

    ResponderExcluir
  6. LIndo o projeto. Eu não conhecia e fiquei sabendo através de outro blog que também falou dele. è sempre bom saber mais sobre projetos assim.
    beijos
    Chris

    ResponderExcluir
  7. Claudia Montenegro20 de outubro de 2016 13:31

    Cã,
    Adorei o seu post! E principalmente a sua presença em nosso evento!
    Sou fã do CREN, tenho muito orgulho de trabalhar por essa causa!
    Beijos

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...