A importância da natação



   A Natação é uma atividade super completa. Ótima para todas as idades e muito importante para que as crianças aprendam a nadar e não correr riscos na água.


  E para saber um pouco mais sobre essa prática o professor de natação, Fernando Brandão lista oito informações sobre esse exercício:

  1. A Natação é esporte mais indicado para tratar e curar problemas respiratórios, O trabalho na água aumenta a resistência do organismo, diminuindo ou espaçando as crises asmáticas por exemplo, desde que a piscina seja muito bem tratada com todos os cuidados e aferições que a água deve ter.

   2. Para a terceira idade, os benefícios são imensos, tendo em vista que efeitos da gravidade são reduzidos, bem como o impacto nas articulações de quem a pratica. 

   3. Para um adulto jovem, a prática é muito aconselhável também, já que a natação é um exercício muito completo, pois movimenta todos os músculos do corpo e exige muito do seu coração e pulmão que, terão que trabalhar duro para suprir a demanda de oxigênio, o que faz desse esporte um ótimo treinamento para o sistema cardiovascular, auxiliando na melhora da condição física do adulto. 

   4. Quantos mais vezes praticar a atividade, melhor, sendo recomendado no mínimo 3x por semana para fins de melhora do condicionamento físico, e se puder 5x, ótimo. A média de gasto calórico é de 500 kcal/hora. 

   5. Quanto mais cedo a criança começa a nadar, melhor é a sua capacidade de interação ao meio aquático e menor o risco de acidentes fatais em uma piscina, por exemplo. A prática melhora ainda a interação com as praias também. 

    6. Toda atividade feita em família estreita mais ainda essa relação, e é muito prazeroso para as crianças poder fazer essa atividade com os pais, ainda bebês, para que adquiram ainda mais confiança com o meio aquático.

   7. Nas aulas de natação, as crianças não devem usar bóias, por isso nos primeiros meses das crianças na piscina, é importante a presença do responsável junto a elas. 

   8. O adulto que ainda não sabe nadar deve perder principalmente a vergonha por não saber nadar e procurar a academia mais próxima para se matricular, esse desafio vai ser superado nas duas primeiras semanas e a qualidade de vida irá melhorar absurdamente.


   Fiz algumas perguntas bem frequentes da mamães para o professor, segue a entrevista:

   Blog Mammys: Qual a idade recomendada para que a criança/bebe inicie a aula de natação?

   Fernando: A criança pode começar a praticar natação desde os 6 meses de idade.

   Blog Mammys: Muitas mães não levam os filhos nas aulas quando estão com tosse ou resfriadas, é correto? 

   Fernando: Não é recomendado a prática de natação enquanto a criança estiver resfriada, mas apenas a tosse não é um fator impeditório para a prática.

    Blog Mammys: A piscina de ozônio é melhor para os pequenos?

   Fernando: Um dos tratamentos mais eficientes e ecologicamente corretos é o Ozônio (O3), também conhecido como Oxigênio Ativo. Trata-se de um gás natural que protege os seres vivos, como se fosse um filtro, porém o tratamento é mais caro.

    Blog Mammys: O cloro pode causar alergias?

  Fernando: Devemos falar que para evitar tais alergias em uma piscina Clorada, é só efetuar um tratamento correto na mesma, ou seja, corrigir a alcalinidade, dureza cálcica, PH( que automaticamente se ajusta com a alcalinidade ), e, por último, o cloro. O cloro pode causar alergias se por ventura for mal administrado o seu uso para a piscina, do contrário não há problemas.

   Blog Mammys: Se uma criança se recusa a fazer a aula de natação, o que os pais devem fazer?

   Fernando: Quando a criança se recusa a entrar na piscina, o recomendável é que o responsável entre junto com a criança e passe a ela a segurança necessária para aquele momento. Escolha uma Academia em que a estrutura seja muito boa. Faça um tour pela academia ou escola pré-selecionada. Verifique as piscinas, os vestiários e o ambiente desses lugares. É essencial que você se sinta confortável no local.

  Blog Mammys: Quais itens sao importantes que devemos observar quando vamos escolher uma escola de natação?

  Fernando: Em relação a piscina, verifique a quantidade de piscinas (seus respectivos tamanhos e profundidades) e como as aulas são organizadas em cada uma delas. Além disso, pergunte sobre o tratamento que é dado à água. Na questão da segurança, na visita, preste atenção aos elementos de segurança, como barras de apoio nas piscinas, profundidade adequada (de acordo com a altura das crianças), câmeras de segurança e se existe uma total visibilidade dos espaços de aprendizagem. Ao observar as aulas, confirme se os professores estão sempre supervisionando seus alunos e se estão habilitados para tal função. Converse com o Professor e procure saber qual é a metodologia aplicada na Academia/Escola.

  Então vamos colocar nossos pequenos para nadar! Aqui em casa os três começaram cedo. 



0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...